Cura Dente
 
 
 

Repouso para seus dentes

Se seu dente e/ou seu encaixe sofreu trauma como uma pancada em sua mandíbula, resultando em dor de dente, tente dar um repouso a seus dentes, como via jejum, ingestão de apenas alimentos liquefeitos (preferencialmente suco orgânico fresco de cenoura e similares), etc.

Meio-jejum

Embora o jejum possa ocorrer naturalmente com dor de dente (já que é demasiadamente dolorido mastigar), alguém enviou esse conselho adicional: "Meu truque para lidar com crises de (dor dental)... é adotar um jejum com suco de uvas adicionado com um pouco de pimenta Caiena1. Nada comi desde o almoço na sexta-feira, apenas bebi 2 onças de suco de uva com um pouco de pimenta de Caiena, de vez em quando, em substituição. No domingo bebi a cada 1 ½ hora e dormi a maior parte do tempo nos intervalos.”

Naturalmente que isso não deverá funcionar se a dor for oriunda de cáries profundas, por causa do açúcar contido no suco de uva (ao menos em minha experiência, até mesmo tipos naturais de açúcar não podem ser tolerados por um dente dolorido – veja também Alimentos alcalinizantes). Considere, então …

Jejum

(O que segue foi traduzido por CuraDente do livro Fasten heilt Karies [O Jejum Cura Cárie Dentária] de Robert Römer.)

"Há outra possibilidade (além de mudança de dieta, segundo os dentistas Dr. Weston A. Price ou Dr. Johann Georg Schnitzer) para a cura de cárie avançada de dente: jejum.

O jejum é mais simples que as restrições dietéticas permanentes, dá-se ao dente um período de máxima regeneração e leva apenas alguns dias. Com uma dor de dente de gravidade média, a dor deverá desaparecer após 2-3 dias de jejum e não voltará se a dieta for melhorada. E até mesmo uma dor de dente muito grave não mais ocorrerá após 6 a 7 dias de jejum. Vários pormenores precisam ser respeitados:

(1) Jejum significa jejum, ou seja, não comer nada e apenas tomar água ou água mineral.
(2) Uma pessoa saudável pode jejuar for 3 dias sem ajuda. No caso de saúde ou vitalidade comprometida, requer-se a supervisão de um profissional.
(3) A dor de dente chega via ondas. Se o dente já está em condição muito ruim, 2 ou 3 dias de jejum não será suficiente, já que mesmo que a dor desapareça logo, ela voltará. Em tais casos, o jejum deverá se ampliar para 5-7 dias.
(4) O jejum não é panaceia. Com um dente que sofreu muitos tratamentos, que possui uma coroa desalinhada, está sendo bombeado com muitas substâncias químicas e onde a dor não para, uma visita ao dentista é indispensável, já que o jejum não pode resolver problemas mecânicos.”

Compare aqui, entretanto, quanto aos efeitos do jejum sobre a saúde de dentes e gengivas [que se observou incluir a cura de cárie dentária] e o fato de que os dentes podem e realmente “expulsam” obturações.

Sono

Naturalmente que o sono é um dos maiores curadores naturais, com a maior parte das atividades curadoras do corpo aparentemente ocorrendo durante os estágios mais profundos do sono REM [sigla inglesa para movimento rápido do olho]. Uma coisa que descobri que ajuda bem com o alívio de dor de dente por período mais longo (e assim permitindo sono adequado) (após desinfetar minha boca com água salgada, óleo de melaleuca, etc.) é aplicar metade do analgésico alopático (pílula) diretamente no local dolorido (e, para paz de espírito, ingerir a outra metade). Apenas um tratamento poderá ser suficiente [compare em inglês Allopathic toothache remedies].

Conservaria óleo de melaleuca ou similar e potente desinfetante ou analgésico natural/de ervas, na cabeceira de minha cama, para aplicação à área dolorida, se por acaso venha a acordar.

Uma dica simples para ajudá-lo a dormir, se já não o faz naturalmente, é tentar deitar com o dente doente para cima. Aliviando a pressão do sangue e da linfa na área dolorida, esse procedimento ajudou um amigo meu a dormir, apesar de uma furiosa dor de dente que o havia afligido durante horas.

Lavagem intestinal

Embora pareça estranho - a limpeza parcial do cólon por meio de um enema realmente ajudou contra dor de dente.

Desintoxicação sistêmica

Na verdade todas as sugestões citadas acima induzem a uma desintoxicação sistêmica que, de acordo com o Dr Humbart Santillo, autor de Natural Healing with Herbs [Cura Natural com Ervas], é uma poderosa modalidade terapêutica para dor de dente. Uma visitante do sítio, JR (que por si mesma usou eficazmente a desintoxicação sistêmica para se livrar de dor de dente) lucidamente comentou, “...se alguém tem uma dor de dente persistente, apesar de usar tratamentos tópicos, pode ser que ele esteja ainda comendo/bebendo de uma maneira que conserve seu corpo num estado tóxico e a dor de dente é uma manifestação disso.”

Urinoterapia

Segundo o autor do livro "Wonders of Uropathy" [“Maravilhas da Urinoterapia”], Dr. G.K. Thakkar, o bochechar com sua própria urina fresca (remédio preparado por si próprio) operou maravilhas com o pior tipo de dor de dente e nunca falhou uma só vez, com a dor de dente mais grave desaparecendo em minutos. (Informação detalhada sobre urinoterapia e enxágues contra dor de dente e questões periodontais, inclusive testemunhos, em Urinoterapia para a cura de problemas de dentes e gengiva.)

Embora possa parecer que a mistura de urina com outros agentes como a própolis (veja mais embaixo), etc. aumente ainda mais os efeitos terapêuticos (além disso, a própolis traz o benefício suplementar de poder mascarar qualquer cheiro ou gosto desagradável), há também advertências a seguir, role para "Advertência: para estar seguro ao máximo, jamais misture urina com qualquer substância antisséptica” na página Urinoterapia para a cura de problemas de dentes e gengiva.

Se você não conhece os benefícios provados da urinoterapia, ter uma dor de dente poderá não ser o melhor momento para suplantar a repugnância natural que a maioria das pessoas inicialmente sente quando apresentadas a essa antiga, mas ponderosa prática terapêutica. Essa página estaria incompleta, entretanto, se não a mencionasse. Se quiser, poderá simplesmente tentar tocar em alguma urina fresca, o sal que nela há poderá ajudar (veja remédio para dor de dente com água salgada).

Extração a Óleo

Para informações detalhadas e amostras de testemunhos2 para o que o CuraDente.com classifica como uma modalidade ponderosa de cura/desintoxicação, veja Extração a óleo: mais do que uma rotina de limpeza bucal. A extração a óleo tem também aliviado dor de dente com muita eficiência.

Iodo

Eu usaria a seguinte sugestão para obter alívio de dor de dente com grande cautela, considerando a natureza muito “ativa” e “ávida” do iodo. Eis aqui o que vi sugerido: "... uma gota de iodo sobre um dente ajuda a passar a dor e estancar abscesso. Apenas se lembre de deixá-la cair sobre o dente, deixe-a lá por algum momento, NÃO ENGULA. Então escove o dente em seguida."

Um recente relatório de sucesso sobre dor bucal (julho de 2013), envolvendo o Lugol referiu-se a uma área inflamada próxima a um dente que sugeriu uma sensibilidade profundamente arraigada (infecção?) que “preocupou o dentista”. A aplicação de Lugol embebido em um cotonete à área afetada durante manhãs e noites curou a sensibilidade em algumas semanas.

No livro "Nuclear War Survival Skills" ["Habilidades para Sobreviver à Guerra Nuclear”] de Cresson H. Kearny3, o autor afirma que “iodo [e]lementar (livre) é venenoso, exceto em quantidades muito pequenas em água desinfetada com pastilhas de iodo ou poucas gotas de tintura de iodo.” Na verdade no livro da Dra. Hulda Regehr Clark, The Cure For All Diseases [A Cura para Todas as Doenças], a Solução com Iodo Lugol é administrada em gotas em água e para desinfecção, é um dos principais bactericidas, etc, “útil para matar bactérias viciosas como a Salmonella" e totalmente segura (se não alérgica) para "tomar dia após dia, quando necessário, por causa de sua especial propriedade de atar.” Mas para alguém que seja alérgico ao iodo, pode ser fatal !!!

Aviso: você pode querer abster-se completamente de tomar iodo por via oral, se você tem restaurações de amálgama em sua boca. Como mostrado, por exemplo, no estudo "Effect of iodine on mercury concentrations in dental-unit wastewater" (www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/16002132), o iodo pode soltar o mercúrio de amálgamas dentárias. As concentrações de mercúrio resultantes (temporariamente) mais elevados e potencialmente perigosos dissolvidos na boca poderiam expô-lo a um risco desnecessário (adicional).5

Álcool

Já vi a sugestão de lavar a boca com álcool como vodka, para matar qualquer infecção. Embora o whiskey é tido como eficaz, bebidas com conteúdo ainda maior de álcool aparentemente funcionam melhor. Você pode manter uma pequena quantidade de whiskey sobre o dente, por exemplo, a gengiva provavelmente absorverá parte dele e a dor provavelmente desaparecerá. Se você aquecer o álcool antes de pô-lo na boca, poderá ser melhor de usá-lo.

À noite, aparentemente o álcool que se toma evitará que você experimente os estágios mais profundos (mais curadores) do sono REM (ver Sono).

MSM

Veja aplicações dentárias do MSM (metilsulfonilmetano): um remédio seguro & natural para muitos tipos de dor e inflamação, inclusive em dentes & gengivas.

Prata coloidal

A prata coloidal possui propriedades antibióticas, antibacterianas, virucidais, antimicrobianas, mata fungos e outros patógenos e poderá estar disponível em lojas de produtos naturais e certamente na Internet.

Enquanto que a prata coloidal, até onde sei, pareça funcionar com eficácia semelhante à de meu remédio favorito para dor dente, a água salgada, ela é incomparavelmente mais cara (embora seja possível encontrar instruções sobre como preparar prata coloidal com menos custo em casa, na internet) e poderá ter outras desvantagens (uma delas sendo, com a ingestão crônica, uma condição de pele chamada argíria [descoloração cinza ou azul], ou o acúmulo de prata em vários órgãos).

Um testemunho encontrado em earthclinic.com quanto à cura por si próprio – FVM (Faça Você Mesmo) de um abcesso em dente/gengiva envolvendo prata coloidal diz que o abcesso foi curado em 2 dias, bebendo-se 4 colheres de sopa de prata coloidal por dia e pondo uma bola de algodão embebida em prata coloidal no abscesso gengival; o abscesso começou a escoar em horas. O testemunho especifica que se usou uma prata coloidal (“mesosilver”, de uma companhia bem conceituada e adverte sobre companhias que vendem imitação barata de prata coloidal que é “mais parecida com prata ionizada”.

Compressa com carvão ativado

O carvão ativado é outro (de muitos) heróis não celebrados no campo da cura natural (embora não seja realmente barato). As aplicações sugeridas que encontrei:

Misture pó de carvão ativado com água até que forme uma pasta. Aplique essa pasta a um pedaço de gaze ou toalha de papel e a coloque na área dolorida do dente/gengiva/abscesso, mordendo. (O pó de carvão ativado deve ser encontrado em farmácias e possivelmente em algumas lojas de produtos naturais e na internet.)

Barro de bentonita para inchaço & dor em gengivas & dentes

“Alguns usuários de bentonita relatam alívio de inchaço, dor e dor nas gengivas e dentes. Já que esses sintomas são manifestações de toxinas ou infecções no tecido que circunda os dentes e gengivas, facilmente se torna aparente que as poderosas qualidades de absorção da bentonita traria alívio a essas áreas. Se você sofre de dor ou inchaço na área dos dentes e gengivas, seria prudente tomar uma bebida com psyllium várias vezes ao dia para absorver quaisquer venenos que estejam sendo liberados da boca infectada aos intestinos. O Dr. Anderson, ele próprio, fez isso muitas vezes contra infecção dentária e obteve total alívio da dor. Suas infecções dentárias eram causadas por canais dentários que haviam sido tratados há longo tempo. Quando ele, finalmente, teve os dentes, tratados em seus canais, removidos, as infecções pararam para sempre.4

Nessa situação também ajudaria acondicionar bentonita em pó diretamente sobre as áreas inchadas, doloridas para retirar as toxinas irritantes. Uma combinação de bentonita em pó e tanchagem (outro poderoso absorvedor) pode ser usada num quadrado de gaze ou musselina, que é então umedecido e colocado sobre a área irritada das gengivas.
Isso parece funcionar da melhor forma se você fizer a aplicação antes de deitar e dormir com ela por baixo dos lábios.”

A sugestão supra-citada para alívio de dor de dente foi extraída e traduzida de www.stephentvedten.com/41_-_Healing_Clay.pdf.

Almofada aquecedora/garrafa com água morna

Ao usar qualquer pacote de ervas (veja Remédios para dor de dente, com ervas) ou similar, principalmente em casos de abscesso/inchaço, poderá ajudar a aumentar a ação das ervas, por exemplo, aplicando-se uma almofada quente ou garrafa com água morna à sua bochecha. 

Bicarbonato de sódio

Além dos seus muitos usos dentários e outros (veja Bicarbonato de sódio ajuda dentes & gengivas), descobriu-se que o bicarbonato de sódio também ajuda nas dores de dente (enxágue com uma solução aquosa ou toque com ele). Veja "Alcalinizando a boca" mais embaixo.

Própolis

É um agente anti-inflamatório e antimicrobiano e aparentemente trouxe melhora satisfatória também para casos de dor de dente (informação sobre própolis).

Bolognia

Creio, pessoalmente, que o ingrediente ativo na sugestão seguinte, para se conseguir alívio temporário para dor de dente é o sal (e em menor grau, talvez, alguns temperos):

"...apenas mastigue um pedaço de bolognia durante 30 segundos e então engula-o ou cuspa-o para for a. Ele apenas lhe dá alívio temporário, mas funciona.”

Remédio para dor de dente combinando escovação com “pasta de dente” composta de bicarbonato de sódio + sal, em seguida bochechando com água salgada + bicarbonato de sódio e finalmente com Listerine.

O visitante do sítio Trent enviou a seguinte receita contra dor de dente:

"Já faço uso de um tipo de solução salina para nariz entupido. Uso 250 ml de água morna com 1/4 de colher de chá de sal não iodado e 1/4 de colher de chá de bicarbonato de sódio. Vejo o bicarbonato de sódio como algo que não pode faltar. Sugiro que você o adicione à mistura com água salgada (o remédio número um do CuraDente.com recomendado para dor de dente) da próxima vez.

Para a minha dor de dente preparei uma forte solução salina usando 3 colheres de chá de sal e 1/2 colher de chá adicionados a 1 xícara de água morna. Também escovei meus dentes antes do bochecho, usando uma mistura de bicarbonato de sódio e sal composta de 1 colher de chá de bicarbonato de sódio + 1/4 de colher de chá de sal. Misturei o pó de bicarbonato de sódio e o sal numa pequena tigela. Umedeci minha escova de dentes de cerdas macias e coloquei nela a mistura de bicarbonato + sal e então escovei meus dentes com ela. E, nossa, você saliva muito. Mas certamente é melhor que pasta de dente, com sabores que queimam suas gengivas.

Após escovar algumas vezes com toda a mistura de bicarbonato + sal, lavei a boca com a mistura morna de sal + bicarbonato de sódio e, pouco tempo depois usei alguma Listerine. O etanol da Listerine entorpece as gengivas. Quando tinha dentes realmente doloridos, enchia uma xícara com Aguardente da Mamãe e bochechava toda a boca com ela e cuspia tudo. Vodka ou bebida alcoólica mais forte seria melhor, também álcool barato. Não sei realmente como alguns dos outros ingredientes da Listerine ajudam, mas essa é a minha experiência com álcool. Você deve tentá-lo. Pasta de bicarbonato de sódio + sal + enxaguatório de água salgada + bicarbonato de sódio + Listerine é um ótimo remédio! :-)."

Mais sobre o Bicarbonato de sódio para cura de dentes

Fortalecendo & limpando seus dentes para alívio de dor de dente

Quando os dentes (ou um deles) dói (doem) ou fica(m) sensíveis(l), pode também ser um sinal de que o dente simplesmente necessita de se fortalecer (remineralizando-se) ou limpando-se (por exemplo de partículas de alimentos presas entre dentes adjacentes). Para fortalecer os dentes, veja a Seção sobre nutrição, dieta e alimentos e a página Fortalecendo dentes e gengivas: remédios variados sugeridos à base de ervas, plantas e de outra natureza. Para limpar dentes de maneiras naturais, não tóxicas, veja o Seção sobre higiene bucal e cuidados dentais.

Exposição ao sol para alívio de dor bucal

A exposição de meus dentes e gengivas diretamente à luz do sol ajudou-me a abrandar dentes ou gengivas doloridos. A razão (dentre outras coisas) é que a luz ultra-violeta UV nos comprimentos de onda de 260-280 nm possui capacidades bactericidas, isto é, mata bactérias (a radiação UV é, em verdade, usada como técnica de esterilização).

Vinagre de Maçã

Usado como enxaguatório bucal, o vinagre de maçã pode ajudar com dor de dente (como também limpar as fossas nasais). O gargarejar com vinagre de maçã pode ajudar a prevenir inflamação de garganta. (Dito isso, o ácido pode/irá atacar o esmalte dentário, veja Alimentos a serem manipulados com cautela, para sugestões sobre como minimizar qualquer possível dano.)

MMS

Um relatório esporádico que vi diz que ele essa substância tirou instantaneamente a dor de um dente dolorido. Para informações detalhadas sobre o MMS, veja [em inglês] Brushing teeth with MMS [Escovando seus dentes com MMS].

Tomando ácidos graxos omega3

Veja em inglês Testimonial: fish oil (omega3s) as a cure for early tooth decay and toothache [Testemunho: óleo de peixe (omega3) como uma cura para cárie e dor de dente].

Alcalinizando a boca:
Mudando o equilíbrio do pH da boca para alcalino, no caso de dor que não reage a outro tratamento

(Grato ao visitante do site, AB, por essa dica. Ele tinha dor de um canal tratado, de uma cavidade profunda que se formou entre dentes vizinhos.)

Segundo essa acid-alkaline foods chart (tabela ácido-alcalino [em inglês]), de todos os alimentos facilmente disponíveis, o melaço, as folhas de beterraba e o espinafre cru possuem o maior potencial para mudar o equilíbrio do pH para mais alcalino, graças à sua abundância de minerais alcalinos.

Então, se após a aplicação de lavagem com sal e/ou outras medidas para debelar a dor, você ainda sente alguma dor, poderá cuidar dela enrolando uma folha de beterraba ou espinafre e colocando-a na gengiva onde está o dente dolorido. Você poderá descobrir que o acréscimo da folha age como um “estabilizador” do efeito do enxaguatório com salmoura, isto é, alonga o tempo em que a lavagem com salmoura funciona e geralmente faz com que a dor se torne bem fraca.

Também após a lavagem com salmoura, deixar melaço orgânico em sua boca por 2 minutos ou aplicá-lo sobre a gengiva poderá ajudar a subjugar a dor por várias horas (a não ser que o açúcar do melaço torne impossível de aplicá-lo sobre ou próximo ao seu dente dolorido).

Já que o bicarbonato de sódio tende a manter um pH de 8.1 e poderosamente neutraliza ácidos, talvez seja o mais conveniente agente alcalinizante para moradores de cidade, sem fácil acesso a folhas de espinafre e beterraba frescas. Pode-se simplesmente pô-lo na área que dói e (em quantidade razoável) ingeri-lo.

Veja também Alimentos ricos em minerais e oligoelementosTabela dos Alimentos Alcalinizantes [em inglês].

Por último, mas não menos importante: alcalinizando o corpo com alimentos “poderosos” quanto à alcalinização, etc.

Já que a dor de dente e, de fato, a cárie dentária podem (e serão) frequentemente causadas em conexão com uma deficiência em minerais alcalinos (super-acidez), ingerir melaço (que é pleno de nutrientes alcalinizantes como cálcio e magnésio) e/ou outros agentes alcalinizantes em maior quantidade pode ajudar e curar dor de dente em curto ou longo prazo. Veja alimentos ricos de minerais e oligoelementos.

Notas de pé de página

1 Veja On Health Benefits of Cayenne Pepper (incl. a caveat) [Sobre os Benefícios Terapêuticos da Pimenta de Caiena {incl. uma advertência} em inglês].
2 incl. ajuda para dor causada por disfunção da articulação temporo-mandibular
3 Original Edition Published September, 1979, by Oak Ridge National Laboratory, a Facility of the U.S. Department of Energy, Updated and Expanded 1987 Edition, p. 115
4 Veja Sobre os perigos do tratamento de canal de raiz dentária.
5 Compare Obturações dentárias: tique-taque de potenciais bombas-relógio tóxicas, em sua boca?.

Remédios naturais, holísticos & caseiros para dor de dente & outros problemas dentais

 
Copyright © 2021 CuraDente.com. Todos os Direitos Reservados.