Cura Dente
 
 
 

Eis aqui uma lista de sugestões de como promover a restauração de seus dentes, caso prefira (ou tenha de) tentar resolver a problema sem tratamento dentário emergencial e/ou trabalho dentário “apropriado”, isto é olhar para a frente, diminuindo ou temporariamente entorpecendo a dor, antes de correr para o próximo dentista disponível. (Para aqueles que apenas queiram tratar temporariamente um buraco, simplesmente visitem Consertos temporários.)

Aparentemente, tanto medidas “energéticas” como dietéticas, têm permitido que pessoas restaurem cavitações sem um dentista e se livrem de cáries, sem obturações. Ao seguir quaisquer dessas sugestões, você o fará por risco próprio, visto que posso e apenas serei responsável pelo meu próprio corpo de saúde e não há garantia, veja Renúncia de responsabilidade.

Passo 1: Livre-se da dor de dente, naturalmente

Como um primeiro passo para se tornar auto-suficiente quanto a dentes, vários procedimentos simples, mas eficazes, podem ser usados para parar a dor de dente, veja Remédios dentários naturais, holísticos & caseiros para dor de dente & outros problemas dentários.

Para descartar a raríssima possibilidade de que sua dor de dente seja uma indicação de alguma doença não dentária (potencialmente grave), você poderá ler também Glossário dental: dor de dente, dor dental e gengival: definições e causas.

Passo 2: Trabalhe na construção (endurecimento) do dente amolecido por erosão (cáries)

O próximo e mais importante passo é efetuar uma cura da dor de dente a longo termo, trabalhando para ajudar seu dente a remineralizar, isto é, formar um novo e endurecido esmalte e, assim, restaurá-los à funcionalidade (para explicações detalhadas, ver Desmineralização - remineralização). Tal remineralização ou "vitrificação" de dentes é mais provavelmente conseguida de forma confiável por meio de mudança dietética ou adaptação5: segundo observações e estudos aprofundados realizados pelo eminente pesquisador de saúde dental e dentista Dr. Weston A. Price DDS, como também outros dentistas como Dr. George W. Heard,para que os dentes sejam saudáveis e/ou possam manter ou recuperar uma medida de saúde, eles necessitam receber nutrição rica em minerais, oligoelementos, vitaminas e vários fito-nutrientes combinados com a abstenção de todos os alimentos refinados e outros danosos, principalmente açúcar e farinha branca. Os elementos saudáveis são principalmente encontrados em alimentos orgânicos crus, isto é, alimento fresco e não processado, luz solar para a produção de vitamina D(necessária para a assimilação de cálcio na estrutura dentária), etc. Esteja particularmente seguro de obter o suficiente de vitamina K2 necessária para a adequada assimilação de cálcio à estrutura dentária), etc. Assegure-se principalmente de obter o suficiente das vitaminas favoráveis aos dentes e ossos, A, D e C e todo o espectro de oligoelementos e minerais. Muitos outros detalhes sobre a reconstrução ou fortalecimento dos dentes por meio da dieta em Nutrição.

Se os dentes inicialmente estejam demasiadamente sensíveis para mastigar ou permitir contato com alimento, o consumo de alimentos em sucos ou papa, preparados em liquidificador, por meio de um canudo pode ajudar (enquanto se evita beber ou comer quaisquer substâncias que possam irritar o dente, como aquelas quentes ou frias). É importante, entretanto, que os dentes tenham contato com alimentos naturais bem mastigados para permitir que extraiam minerais e o que mais for necessário para permitir sua regeneração natural por meio da saliva (mais em Desmineralização/remineralização).

Combinados com a escovação & limpeza e banho de sol (ou suplemento de vitamina D no inverno, sendo ela necessária para a adequada assimilação de cálcio pela estrutura dentária), um regime rico em em minerais favoráveis aos dentes, oligoelementos e vitaminas deve permitir que os dentes se remineralizem (ou ao menos o mínimo suficiente),isto é formem um esmalte ou superfície nova endurecida que permitam ao dente ser (quase-) normalmente usado.

Também examine Ervas e plantas para o fortalecimento de dentes e gengivas, [em inglês] Dicas variadas para conservar ou restaurar dentes e gengivas saudáveisProducts for remineralizing teeth and enamel [Produtos para remineralização de dentes e esmalte] (a maioria dos quais aplicados na parte externa, para adicionar minerais aos dentes) e Herbal, plant-derived and similar products for teeth and gums [Produtos e ervas ou plantas e similares, para dentes e gengivas] (alguns deles são muito baratos).

Por favor observe que: se a polpa ("nervo") de um dente foi morta e não for “revivida”, ou seja, o dente não for nutrido a partir de sua parte interior, ele provavelmente irá desintegrar-se (erodir) com o tempo. Isso pode levar vários anos e pode ocorrer tanto com o dente obturado ou não. A principal razão para a polpa morta ou a morrer é o tratamento dentário, veja Perfuração & obturação de dentes: uma escolha imprudente?.

Passo 3: Limpe seus dentes adequadamente & desintoxique sua boca

A importância de se limpar os dentes pode ser vista pelo fato de o "renegado" dentista Dr. Nara haver centralizado toda a sua abordagem em permanentemente curar e proteger os dentes de cáries em religiosamente aplicar medidas apropriadas de limpeza. O Dr. Nara colheu extraordinários sucessos com muitos de seus pacientes, veja seu livro How To Become Dentally Self-Sufficient [Como se tornar auto-suficiente quanto aos dentes].

Para limpar os dentes, é muito importante usar agentes de limpeza ou produtos para cuidados bucais, naturais. Sobre um poderoso exemplo, dentre vários que mostram o que a mudança do creme dental para uma abordagem mais natural pode fazer para curar cáries (como também doença gengival/periodontite grave), leia esse Dramático testemunho sobre cura de cárie dentária (escovação com salmoura, waterpik [irrigador oral] e escovação a seco curaram cáries onde a pasta dental com fluoreto falhou).

Mais sobre como conservar seus dentes limpos e também sobre a desintoxicação oral por você mesmo, na seção Cuidados bucais e higiene oral (enquanto que a extração a óleo parece ser uma poderosa maneira de puxar toxinas de toda a sua boca, como provavelmente a maneira mais poderosa de eficaz e permanentemente reduzir bactérias causadoras de cáries em sua boca é usando o açúcar de xilitol para enxaguar e escovar os dentes, altamente recomendável!).

Passo 4: Aprenda sobre abordagens de cura com energia e aplique-as

A EFT e a abordagem da Medicina Energética de Donna Eden1 são duas modalidades que têm sido usadas com sucesso para tratar e curar dor de dente e cáries. Segundo Donna Eden, a acupuntura tem sido usada para eliminar dor de dente e até curar o dente. A Energy Medicine [Medicina Energética] elaborou quadros que mostram o tratamento completo para cáries e dor de dente, como também um quadro que mostra qual dente está energeticamente ligado a tal órgão, por meio dos meridianos de energia.2

Passo 5: Acalme suas emoções, use sua mente construtivamente – e Visualize!

Veja Psicologia sobre como alívio do estresse, fatores mentais e emoções podem contribuir para a cura e regeneração dentárias (ou seu oposto). Que o estresse desempenha um papel tanto na resistência e suscetibilidade à cárie também aparece claramente na aprofundada pesquisa realizada pelos Drs. Steinman & Leonora sobre o sistema de transporte do fluido dentinal.

Sobre inspiração especialmente empoderante, leia esse brilhante testemunho verídico de cura dental conseguido simplesmente por meio da visualização do dente saudável e curado!

Passo 6: Inspire-se com outros

CuraDente provê numerosos testemunhos que mostram como pessoas curaram seus dentes de gengivas por si próprias.

Passo 7: Considere o jejum

Algumas curas de dor de dente e outros problemas foram conseguidas com jejum. Veja Testemunho: dor de dente, cárie e bolsas gengivais curadas naturalmente e revertidos por meio do jejum e boa nutrição e Sobre os efeitos do jejum na saúde dos dentes e gengivas.

Passo 8: Por último, mas não menos importante: considere urinoterapia

Veja Urinoterapia para a cura de problemas com os dentes e gengivas (creia-me, é poderosa e uma vez você tenha suplantado sua resistência a essa prática, você jamais quererá perder os seus benefícios).

Adendo: Que fazer com “buracos” profundos e Quando visitei pessoalmente um dentista

Geralmente evito dentistas já que não quero carregar obturações, coroas, blocos ou partes cheias de materiais estranhos, metais perigosos e/ou substâncias químicas tóxicas em minha boca, com seus possíveis ou comprovados perigos à saúde como a amálgama de mercúrio e outros metais danosos a liberarem no corpo, contaminação radioativa, etc.3 O simples ato de perfurar um dente constitui trauma a esse dente, comparável a uma operação realizada noutra parte do corpo físico. Portanto, durante cerca de dez anos, agora, tenho tratado por mim mesmo quaisquer problemas dentários (eles são poucos hoje e apenas ocorrem em razão de erros dietéticos, na forma de açúcar refinado e farinha branca.)

Se, como eu você escolha (ou talvez tenha de fazê-lo) arriscar tudo e deixar cáries (inclusive os buracos mais fundos) sem obturação, provavelmente terá partículas de alimentos frequentemente presas nesses últimos (uma inconveniência de menor importância, a meu ver). Nessa problema foi onde eu também permiti uma exceção em minha política de “zona livre de dentista”: eu tinha um dente com uma cavidade muito profunda, onde a obturação havia caído. Geralmente eu deixo tais dentes em paz, permitindo que eles formem uma nova camada de esmalte endurecido por meio de dieta apropriada e limpeza. Nesse caso particular, a cavidade era tão profunda e “convoluta” que era impossível conservá-la limpa, com restos de alimentos presos na passagem interior e começando a apodrecer e causar dor. Então, tive essa cavidade preenchida com uma obturação plástica.4

A outra opção (da qual apenas recentemente tomei conhecimento) é, naturalmente, a técnica de visualização mencionada acima, que permitiu, ao menos algumas pessoas, preencherem suas próprias cavidades por meio de simples visualização (veja esse testemunho muito impressionante de cura dentária) como também uma dica superfácil para se “obturar um dente” por si próprio, abaixo!

Consertos temporários (obturações dentárias que você pode fazer por si só)

Aqueles que, por qualquer razão desejem ou necessitem de ter os buracos de dentes preenchidos mas não possam imediatamente ter (ou pagar por) uma consulta com um dentista, podem encontrar utilidade em produtos como Dentemp O.S. Obturação Temporária de Dente, que é projetado para prover uma “restauração” dentária temporária (por exemplo, quando caiu a obturação anterior) e que permanecerão no local por algum tempo, permitindo que você mastigue comida e escove seus dentes. Fácil de aplicar e consertar (ou renovar), no caso de a obturação começar a se fender, esse tipo de obturação, aparentemente pode resolver essa dificuldade por semanas (talvez por mais tempo). Você deverá encontrar um produto para restauração temporária de dentes em farmácias e lojas semelhantes e, naturalmente online, veja por exemplo Temparin Filling Material for Fillings & Crowns [Temparin, Material para Obturações & Coroas].

Nesse contexto, também vi uma nota de que “pó de cálcio de origem vegetal, comprimido ao redor de um dente infectado e até comprimido no interior da áreas deterioradas dos dentes (após adequada limpeza) tem às vezes ajudado os dentes a se curarem naturalmente ou, ao menos retardado a cárie." Semelhantemente você pode transformar a casca de olmo (Ulmus rubra) em pó e água numa pasta, num pilão, e tapar a cavidade com ela. Aparentemente, a casca do olmo, dentre outras coisas, provê fosfato de cálcio favorável aos dentes. Outra sugestão é usar raiz de confrei finamente triturada com uma erva ou tintura antibacteriana (mirra, óleo essencial de alecrim e muitas outras – para mais inspiração veja a seção completa Remédios dentários naturais caseiros& holísticos para dor de dente & outros problemas bucais).

Se você a tiver disponível, poderá querer usar cera de abelhas – que parece ser uma obturação dentária FVM (Faça Você Mesmo) renomada pelo tempo :-).6

Uma dica superfácil para se “obturar um dente” sozinho (enviada por um visitante dessa página) é descrita a seguir: "Tenho uma grande cavidade no meu dente lateral. Ela causava muita dor, no passado. Tentei tantas coias...o que funciona agora é que a tapo temporariamente com algodão e posso comer sem dor. Então posso retirar o algodão quando quero e limpar o buraco com solução de água e bicarbonato de sódio. Também uso um irrigador a água para ajudar a conservá-la limpa e posso por novo algodão lá. Uso um palito de dentes para segurar a pequena bola de algodão e pô-la na cavidade. Essa solução tem me ajudado a comer sem dor e também a evitar que qualquer alimento fique preso na minha cavidade.
No entanto, gostaria de mencionar uma cautela quanto ao algodão. Ele funciona para. Ele funciona bem para evitar que partículas de alimentos entrem no meu dente lateral e também parou a dor no local.
Recentemente, tentei por algodão no meu dente superior esquerdo, logo antes do canino e a cavidade era menor, então tive de empurrar a bola para dentro com um palito de dentes. Isso pode ter causado excessiva pressão no dente, pois quando eu estava comendo algo, esse dente superior com buraco se quebrou. Portanto, quando for empurrar a bola de algodão para dentro, tem-se de ter cuidado para não fazer pressão excessiva, pois isso pode fazer com que o dente enfraqueça, talvez.
Quanto ao meu dente siso atrás, entretanto, o algodão facilmente penetra sem pressão, já que o buraco é tão grande. Ele alivia da dor, ao comer e conserva fora as partículas de alimentos, agradecidamente.”

Notas de pé de página

1 Como exposto em seu (altamente recomendado) livro de mesmo nome, Energy Medicine [Medicina Energética].

2 Também compare remédios “energéticos” para dor de dente.

3 Sobre inúmeras razões e detalhes, veja a seção Odontologia Convencional, especialmente Sobre obturações dentárias ou “restaurações”, Perfuração & obturação de dentes: uma escolha imprudente? Muitas razões para se evitar o tratamento dentário convencional invasivo, etc.

4 Compare, entretanto, as anotações do Dr. Dietrich Klinghardt sobre obturações plásticas.

5 (deixando de lado, no momento, quaisquer abordagens de cura espiritual, mental, emocional ou psicológica, para as quais há certamente um local e tempo também, mesmo no campo da regeneração e cura dentárias)

6 See dx.plos.org/10.1371/journal.pone.0044904 .

7 Compare Que acontece se as cáries não são tratadas? Sobre os “perigos” de deterioração dentária e infecções dentárias não tratadas por um dentista.

8 Um dos poderosos exemplos de tal autotratamento proativo coroado de sucesso pode ser encontrado em Regeneração dental conseguida por meio de desintoxicação com a dieta de Gerson: um testemunho sobre a auto-reconstrução de dentes cariados e esmalte.

Links patrocinados

Explore mais artigos sobre a auto-cura dentária

 
Copyright © 2014 CuraDente.com. Todos os Direitos Reservados.